Colesterol Alto → O Grande Mito (DESCUBRA A SOLUÇÃO!)

Olá, aqui é o Dr. Rocha falando, hoje iremos abordar um tema um tanto quanto polêmico e envolvido por muitos mitos e inverdades: O colesterol.

Colesterol: O que é?

O colesterol também é chamado de lipoproteína e nada mais é docélulas que uma substância gordurosa encontrada naturalmente no corpo de todas as pessoas. Ele tem o papel vital de manter cada célula funcionando corretamente, além de ser de extrema importância para a secreção de todos os hormônios no organismo.

Entretanto muitas notícias infundadas e alguns mitos se formaram em torno do colesterol, dizendo que ele é maléfico à saúde. Mais adiante, explicarei melhor os motivos pelo qual esta substância se tornou de forma equivocada, um parâmetro para risco de doenças cardíacas.

Diferentes Tipos

Há diferentes tipos de colesterol, e agora vou lhe explicar a diferença entre eles.

Os principais tipos de colesterol que existem são:

  • Colesterol LDL;
  • Colesterol HDL;
  • Colesterol total.

Abaixo, falaremos individualmente de cada um deles:

Colesterol LDL

A lipoproteína de baixa densidade – LDL é conhecida de formaobesos equivocada também como mau colesterol. A função do LDL é transportar colesterol para o sangue.

Estudos recentes têm mostrado que o este tipo de fração isoladamente não pode ser parâmetro para risco cardiovascular. Um estudo observou que pessoas obesas apresentaram níveis de LDL colesterol normalizados, porém níveis de VLDL e IDL alterados (estes sim, realmente perigosos).

Portanto, quando está aumentado devido à alimentação rica em carboidratos ruins (também aumentando triglicerídeos), ela fica em sua forma oxidada e isso é perigoso, ou seja, em partículas bem menores se tornando perigoso. O  colesterol LDL alto, portanto não é marcador eficiente para fator de risco de doença cardiovascular

Colesterol HDL

A lipoproteína de Alta Densidade – HDL é conhecida como o bom colesterol. O HDL carrega o colesterol de outras partes do corpo de volta para o fígado. O fígado por sua vez então remove a gordura do organismo.

Mantendo os níveis de HDL dentro da faixa normal, menores serão as chances de a pessoa desenvolver qualquer tipo de doença cardíaca, ou seja, é um verdadeiro benefício à saúde.

Colesterol Total

É a análise de sangue realizada para checar o nível de colesterolsangue total, sem fracionar os tipos LDL, HDL além de outros tipos de gorduras presentes no sangue, tais como os triglicerídeos, por exemplo.

Este, de fato, não pode ser parâmetro para risco de doenças cardíacas, pelo simples fato de ser uma análise pouco detalhada e que estudos de elevado nível de evidência científica já têm mostrado que não há nenhuma relação de colesterol alto com doenças cardíacas.

O Mito do Colesterol Alto

Na década de 50, um cientista chamado Ancel Keys conduziu uma série de estudos um tanto quanto tendenciosos que envolviam análises ecológicas de baixo nível de evidência científica onde ele afirmou que os países que mais comiam gordura saturada possuíam maiores taxas de mortalidade por doenças cardiovasculares, como infartos, trombose ou AVC, por exemplo. Hoje, sabemos que os estudos conduzidos por Keys contêm uma série de erros. Porém, o estrago já estava feito e o mito criado.

Desde então, a gordura saturada é vista como grande vilã da saúde de toda e qualquer pessoa. Infelizmente o mito de que gorduras saturadas fazem mal à saúde ainda permanecem de maneira fixa e continua perante a sociedade até os dias atuais. Médicos e nutricionistas desinformados ainda recomendam que seus pacientes evitem gorduras saturadas, o que é um erro.

Essa ideia e postura de ser contra a ingestão de gorduras saturadas adoece cada vez mais pessoas em todo o mundo.

O Grande Perigo: Óleos Vegetais

Sou frequentemente questionado por meus alunos e alunas daóleos vegetais seguinte maneira: Dr. Rocha, afinal quais são as gorduras que realmente são maléficas à saúde?

Eu respondo: As gorduras que devem ser evitadas são os óleos vegetais, como os óleos de soja, milho, canola e principalmente a margarina que são totalmente maléficos à saúde, além de causarem altos níveis de inflamação ao organismo.

Um estudo realizado pelo British Medical Journal, mostrou recentemente tudo o que eu citei aqui, que ingerir gordura saturada não é problema algum, evita-la não vai diminuir às doenças do coração e tampouco irá prolongar sua vida, mas fazer uso de óleos vegetais, ou seja, gordura poli-insaturados realmente te tornará uma pessoa doente com diversos distúrbios de saúde.

Alimentação Inteligente é Aliada da Saúde Cardiovascular

Para termos uma saúde de ferro é primordial fazermos boas escolhas alimentares, bem como de vida.

Vamos a um exemplo comum: Nossa gordura em excesso é proveniente de que tipo de alimento? De carboidratos! Muitas pessoas não sabem, mas assim que ingerimos um alimento que é rico em carboidrato simples, como açúcar e farinha branca, por exemplo ele já começa a ser absorvido em nossa boca, essa rápida absorção faz com que esse excesso de açúcar seja convertido em gordura corporal.

Você pode então me perguntar: Dr. Rocha, como uma alimentação inteligente pode me fazer ter bons níveis de colesterol e uma saúde de ferro?

E eu respondo proa você: através da ingestão de alimentos eficientes que auxiliam no bom funcionamento corporal. Darei alguns exemplos a seguir:

Vegetais Verdes Folhosos

Os vegetais verdes folhosos, tais como couve, espinafre, brócolis, repolho, acelga, por exemplo são ricos em vitaminas e minerais que auxiliam em uma série de reações inteligentes do organismo.

Além de promover esse bom funcionamento do organismo, esses alimentos são fundamentais para manutenção HDL colesterol, ou seja, funcionam exatamente como uma dieta para colesterol alto, o que se traduz automaticamente no que eu tanto prego: Alimentação inteligente.

Gorduras Boas e Proteínas de Alto Valor Biológico

Ovos, azeites, peixes gordos, carnes vermelhas, são exemplos de alimentos que possuem uma boa composição de proteínas e gorduras saudáveis, que já demonstramos ser grandes aliadas de uma vida saudável e feliz.

Esses alimentos auxiliam a manter altos os níveis do bom colesterol, fazendo com que esse aja levando toda a gordura ruim até o fígado para que essa seja retirada do organismo da melhor maneira possível.

Portanto, não se deixe ser enganado por falsas notícias falando sobre alimentação e gordura.

Fuja de dietas da moda, busque sempre a verdade, preze sempre por boas escolhas alimentares e faça da alimentação inteligente o seu estilo de vida.

Eu vou ficando por aqui.

Me despeço de você desejando muita saúde e felicidade.

Gostou do nosso texto? Curta, compartilhe e também comente.

Forte abraço e até a próxima.

Posts Relacionados

Comentarios

  1. terezinha maria vidal

    maravilhoso,sem palavras para expressar como me sinto em obter conhecimentos tão ricos,o senhor Dr.Rocha é extraordinário ,excelente,esplêndido.obrigada.

    • suporte@drrocha.com.br

      Olá, tudo bom!
      Agradecemos o carinho e a confiança em nosso trabalho!
      Qualquer dúvida envie e-mail para nosso atendimento: suporte@drrocha.com.br.
      Grande Abraço!
      Equipe de suporte.

  2. Carlos Santos

    Olá Doutor! Estou com colesterol VLDL e triglicerídeos altos. Sempre comi muita pizza e lanche, e agora estou me restringindo a comer carnes mais magras e arroz vermelhos com alguns legumes. No meu caso, tem problema se eu comer arroz branco, batata e banana? Isso aumentaria o triglicerídeos e o VLDL? Obrigado desde ja!

    • suporte@drrocha.com.br

      Olá Carlos, tudo bom!

      Como sua pergunta é bem específica, gostaria que encaminha-se um e-mail para nosso atendimento suporte@drrocha.com.br, para receba as devidas orientações.

      Aguardamos eu contato!
      Grande abraço!
      Equipe de suporte!

E ai gostou? Deixe aqui seu comentário