Dor de Garganta: O Que É, Causas e Tratamento (VEJA TUDO AQUI!)

Olá, aqui é o Dr. Rocha e hoje quero falar sobre um problema de saúde relativamente comum sempre que as temperaturas tendem a cair – algo que ocorre no outono e no inverno. Estou me referindo à famosa dor de garanta.

O Que ÉO Que É

Na maioria das vezes, a dor de garganta é um sintoma um tanto quanto doloroso que traz um grande incômodo a todos os pacientes.

É muito comum que essa dor seja um grande indício de doenças infecciosas – tanto virais como bacterianas e/ou então inflamações leves que podem cessar com a intervenção de tratamento médico, ou então com uso de determinados medicamentos.

São várias as condições quem podem fazer com que esse problema de saúde surja, e é necessário ficar atento caso os sintomas que mostrarei a seguir caso sejam persistentes e não desapareçam.

Principais Causas

A dor de garganta pode ocorrer basicamente de três maneiras diferentes. São elas

  • De origem não infecciosa, ou seja, por irritações ou lesões – cerca de 30% dos casos;
  • De origem viral – cerca de 50% dos casos;
  • De origem bacteriana – cerca de 20% dos casos.

A seguir demonstrarei as causas de cada uma dessas diferentes formas que o problema de saúde tende a se manifestar em pacientes.

Causas de origem não infecciosa

Uma dor que dura mais de uma semana, também pode ser causada por substâncias irritantes, ou então por lesões como:

  • Baixa umidade, fumo, poluição do ar e forçar a voz;
  • Respirar através da boca, quando o paciente possui alguma alergia ou está com o nariz entupido, facilitando o acúmulo de bactérias e sujeiras na garganta;
  • Refluxo estomacal que pode causar gastrite e consequentemente irritar a garanta;
  • Machucados físicos, como cortes, causados ao engolir um alimento pontiagudo, como espinhos de peixes, ou então ossos de frango.

Causas de origem viralCausas de origem viral

Outra causa comum da dor de garanta, é a ocorrência de infecções virais provenientes de outras doenças e/ou problemas de saúde como:

  • Gripe ou resfriado – tipos relativamente comuns de infecções virais;
  • Laringite – comum infecção viral que acomete principalmente as cordas vocais e causa um extremo desconforto na região da garganta;
  • Faringite – Outro tipo de infecção viral que acomete diretamente a faringe, comum em pacientes que retiraram as amigdalas;
  • Amigdalite – comum infecção viral na porção inicial da garganta, facilmente identificada por secreções no local, inchaço e vermelhidão;
  • Mononucleose;
  • Parotidite infecciosa;
  • Herpangina;
  • Faringoamigdalite – inflamação ao mesmo tempo de faringe e amígdala.

Causas de origem bacteriana

Bactérias normalmente também levam o surgimento desse comum problema de saúde, dentre as principais causas são:

  • Faringite – que além de origem viral, pode ter origem bacteriana;
  • Amigdalite – também pode ocorrer devido a ação de bactérias;
  • Faringoamigdalite;
  • Inflamação da epiglote – conhecida como epiglotite;
  • Inflamação da úvula – Uvulite;
  • Em raros casos, doenças sexualmente transmissíveis, também podem ocasionar dores de garganta. É o caso da gonorreia ou então clamídia.

Tratamento

Muitas de minhas alunas preocupadas com filhos, cônjuges e até mesmo com si próprias, me questionam acerca do tratamento para esse tipo de problema de saúde da seguinte maneira: Dr. Rocha, afinal, qual é o tratamento para a dor de garganta?

Eu respondo que assim como existem várias causas que podem culminar no surgimento desse tipo de problema, podem existir uma série de tratamentos.

O tratamento para dor de garganta depende de maneira exclusiva da sua causa.

Se o problema tiver origem viral, como uma gripe, por exemplo, é importante não fazer uso de medicamentos antibióticos para trata-lo, pois eles são exclusivos para casos bacterianos e não virais.

Nos tratamentos virais, é muito comum utilizar medicamentos analgésicos e antitérmicos que servem basicamente para aliviar a dor e reduzir a febre, quando a mesma existir.

Se o problema for de cunho bacteriano, então deve-se utilizar um antibiótico cuja área de atuação realmente seja eficaz no combate a bactéria causadora do problema.

Já se o problema tiver origem não infecciosa, ou seja, por irritações ou lesões, o tratamento recomendado é evitar os agentes irritantes – como fumo, ou então gritar e/ou forçar a voz. Em caso de lesões, deve-se tratar a lesão.

No entanto é preciso lembrar que para que o diagnóstico correto seja feito e o tratamento possa surtir o efeito desejado, é preciso que o paciente passe pelo médico. Ele é o único profissional capaz de garantir e indicar o tratamento mais adequado para cada caso.

Alimentação Estratégica Pode Ser Utilizada Para Amenizar E Acelerar A Recuperação Da Dor De Garganta

Embora pouca gente saiba, é possível utilizar uma série de alimentos como forma de tratar o problema. É importante lembrar que muitos alimentos possuem muitas vezes ações tão poderosas quando medicamentos.

Por isso, mostrarei a seguir alguns alimentos que podem ser utilizados para amenizar e acelerar o processo de recuperação da dor de garganta. Confira.

Óleo de Coco

O óleo de coco é um alimento 100% natural repleto de antioxidantes, além de ser um poderoso agente anti-inflamatório. Utilizar o óleo de coco com moderação em determinadas preparações culinárias pode acelerar o processo de recuperação da dor de garganta.

Raízes

Existem uma série de raízes que podem ser utilizadas como medicamentos quando o assunto é dor de garganta. Eu particularmente gosto de duas delas, o açafrão e o gengibre.

O açafrão pode ser utilizado como forma de temperar alimentos, e o gengibre por ter um sabor um pouco mais acentuado é melhor utilizado em forma de chá. Fazer uso de ambas especiarias, não só é uma fora de prevenir o problema de saúde, como acelera a recuperação do paciente.

Frutas cítricasFrutas cítricas

Como se sabe, as frutas cítricas são extremamente ricas em vitamina C. Essa vitamina possui poderosa ação antioxidante e anti-inflamatória, além de garantir que o sistema imunológico funcione de maneira adequada.

Portanto ingerir frutas como o limão, laranja, maracujá e acerola, por exemplo, são maneiras eficazes de impedir o surgimento da dor de garganta, ou então fazer com que o problema seja resolvido de maneira mais rápida.

Utilizar alimentos ao invés de medicamentos é ótima maneira de se manter saudável, em forma, e ainda evitar o surgimento de uma série de doenças e complicações.

Eu vou ficando por aqui!

Me despeço desejando saúde, paz, felicidade e sorte!

Gostou do texto? Compartilhe e deixe seu comentário.

Forte abraço e até a próxima.

Posts Relacionados

Comentarios

  1. Eronilson Paulo Becker Pedroso

    Eu amei as instruções do senhor vou ficar mais atento quanto esse sinais.

    • suporte@drrocha.com.br

      Isso mesmo, Eronilson.

      Equipe Dr. Rocha.

  2. Maria do rosario

    Sao informaçoes que me ajudam a conviver com a menor pausa

    • suporte@drrocha.com.br

      Que bom, Maria.

      Equipe Dr. Rocha.

E ai gostou? Deixe aqui seu comentário